Caranguejo-peludo-chinês

Da WikiCiências
Share/Save/Bookmark
Ir para: navegação, pesquisa

Referência : Santos, A.I., Calafate, L., (2018) Caranguejo-peludo-chinês, Rev. Ciência Elem., V6(1):028
Autores: Ana Isabel Santos e Luís Calafate
Editor: José Ferreira Gomes
DOI: [http://doi.org/10.24927/rce2018.028]
PDF Download


O caranguejo-peludo-chinês (nome científico: Eriocheir sinensis H. Milne Edwards, 1853, família: Varunidae) é uma espécie natural das regiões temperadas e tropicais entre Vladivostock (Rússia) e o sul da China. Introduzida acidentalmente em Portugal na água de lastro e no casco dos navios. É utilizada como espécie ornamental em aquários e para consumo humano.


O caranguejo-peludo-chinês possui cor acastanhada e a sua carapaça pode atingir 5 centímetros de comprimento. Uma característica de identificação importante desta espécie é a “luva de pele” que possui nas garras (FIGURA 1). Este caranguejo é um predador omnívoro e a sua dieta inclui uma vasta gama de plantas, invertebrados, peixes e detritos, sendo os gastrópodes e os bivalves a componente alimentar dominante deste animal[1].


FIGURA 1. Caranguejo-peludo-chinês (fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Eriocheir_sinensis)

Curiosidade: o caranguejo-peludo-chinês está incluído na lista das 100 espécies invasoras mais perigosas do mundo da União Internacional para a Conservação da Natureza[2].

Referências

  1. GOLLASCH, S., Eriocheir sinensis, 2006.
  2. LOWE, S. et al., 100 de las Especies Exóticas Invasoras más dañinas del mundo. Una selección del Global Invasive Species Database, 2000.


Criada em 7 de Fevereiro de 2018
Revista em 8 de Fevereiro de 2018
Aceite pelo editor em 14 de Março de 2018