Medidas de dispersão

Da WikiCiências
Share/Save/Bookmark
Revisão das 14h17min de 26 de janeiro de 2018 por Admin (discussão | contribs)

(dif) ← Revisão anterior | Revisão actual (dif) | Revisão seguinte → (dif)
Ir para: navegação, pesquisa

Referência : Martins, E.G.M., (2015) Medidas de dispersão, Rev. Ciência Elem., V3(2):126
Autores: Maria Eugénia Graça Martins
Editor: José Francisco Rodrigues
DOI: [http://doi.org/10.24927/rce2015.126]


Medidas de dispersão de uma amostra (ou coleção) de dados de tipo quantitativo são estatísticas que resumem a informação contida na amostra, dando indicação da variabilidade ou dispersão da distribuição dos dados, ou seja, da maior ou menor dispersão dos dados relativamente a alguma medida de localização.


As medidas de dispersão mais utilizadas são a amplitude, a amplitude interquartil e o desvio padrão amostral. Estas medidas dão informação sobre as correspondentes características populacionais ou parâmetros da população (ou variável aleatória) de onde se selecionou a amostra, respetivamente amplitude populacional, amplitude interquartil populacional e desvio padrão populacional.

Para caracterizar os dados da amostra não são suficientes as medidas de dispersão, sendo necessário considerar ainda as medidas de localização. Como a medida de localização mais utilizada é a média, será relativamente a ela que se define a principal medida de dispersão - o desvio padrão amostral.



Criada em 13 de Março de 2012
Revista em 21 de Dezembro de 2012
Aceite pelo editor em 21 de Dezembro de 2012