Estrutura interna da Terra (modelos)

Da WikiCiências
Share/Save/Bookmark
Ir para: navegação, pesquisa

Referência : Guerner Dias, A., Freitas, C., Guedes, F., Bastos, C. (2011), WikiCiências, 2(05):0339
Autores: A. Guerner Dias, Conceição Freitas, Florisa Guedes, Cristina Bastos
Editor: Manuela Marques


Com base nas propriedades químicas dos materiais rochosos que a constituem, admite-se que a Terra tem uma estrutura concêntrica com três camadas separadas por duas grandes descontinuidades:

- Crusta - camada mais exterior, constituída por materiais rochosos muito heterogéneos,
Representação esquemática dos modelos de estrutura interna da Terra
cuja composição é rica em silício, alumínio e magnésio;

- Descontinuidade de Mohorovicic - separa a crusta do manto;

- Manto – camada subjacente à crusta, constituída por material rochoso a altas temperaturas e pressões, cuja composição é rica em ferro e magnésio;

- Descontinuidade de Gutenberg - separa o manto do núcleo;

- Núcleo - camada mais interior cuja composição é rica em ferro e níquel.

De acordo com as propriedades físicas (essencialmente rigidez e fluidez) dos materiais rochosos que a constituem, considera-se que a Terra tem uma estrutura com as seguintes camadas concêntricas:

- Litosfera - camada rígida, abrangendo a crusta e a parte rígida do manto (manto superior);

- Astenosfera - camada situada imediatamente a seguir à litosfera, constituída por material parcialmente fundido e com possibilidade de deformação fácil;

- Mesosfera – camada rígida, abrangendo parte do manto superior e o manto inferior, constituída por materiais rochosos no estado sólido;

- Endosfera – camada mais profunda, sendo fluida até cerca de 5150 km e, depois, rígida.



Criada em 19 de Janeiro de 2010
Revista em 21 de Maio de 2011
Aceite pelo editor em 31 de Maio de 2011