Pipeta graduada

Da WikiCiências
Share/Save/Bookmark
Ir para: navegação, pesquisa

Referência : Ricardo Pinto, J. (2010), WikiCiências, 1(9):0035
Autor: J. Ricardo Pinto
Editor: Jorge Gonçalves



Figura 1 - Representação de uma pipeta graduada.

A pipeta graduada é um instrumento em vidro que permite a medição e transferência de (alíquotas) volumes variáveis de líquidos. É um tubo longo e estreito, aberto nas duas extremidades, marcado com linhas horizontais que constituem uma escala graduada.


As pipetas graduadas são calibradas a 20 °C e são classificadas de acordo com o seu grau de precisão: classe A e classe B. As pipetas graduadas de classe A apresentam uma maior precisão do que as de classe B.


As pipetas graduadas utilizam-se para a transferência de volumes variáveis de líquidos, e apresentam uma precisão inferior à pipeta volumétrica. Na utilização da pipeta graduada o líquido é aspirado para o interior da pipeta por sucção, com a ajuda de uma pompete, também conhecida como propipeta ou pêra enchedora (no passado, fazia-se a aspiração com a boca, o que conduzia algumas vezes a acidentes que podiam ser graves quando o líquido aspirado era tóxico ou corrosivo e por ser nociva a inalação de vapores volatilizados). Efectua-se a leitura que corresponde ao volume inicial, transfere-se para o recipiente o volume de líquido necessário, utilizando a pompete, e efectua-se a leitura final. O volume transferido para o recipiente é calculado através da diferença entre as leituras final e inicial.













Criada em 2 de Janeiro de 2010
Revista em 14 de Julho de 2010
Aceite pelo editor em 13 de Setembro de 2010